fbpx

Calendário estratégico: oportunidade de otimizar os resultados

Saiba como um calendário estratégico bem-feito permite planejar ações e alavancar as vendas da sua farmácia durante todo o ano.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Calendário estratégico
Sumário

O calendário estratégico é uma ferramenta simples que traz grandes melhorias para a sua farmácia. Mais do que uma agenda onde serão anotadas as datas mais importantes do comércio, o calendário estratégico é um documento, físico ou digital, que contém um cronograma detalhado de todo o conteúdo estratégico a ser desenvolvido ao longo do ano.

“O calendário estratégico é uma metodologia que uso para agrupar todas as datas comerciais que podem afetar de alguma forma o varejo”, explica a consultora de Empreendedorismo e Gestão Estratégica, Vanessa Ribeiro.

O colocar no calendário estratégico

De acordo Vanessa, alguns exemplos do que pode ser encontrado em um bom calendário estratégico são as datas comemorativas, feriados prolongados, sazonalidades e períodos de ajuste de preços. “Além das datas ou períodos, é necessário listar quais ações você precisa planejar para aproveitar todas as oportunidades, sendo possível entender – inclusive visualmente – com quanto tempo de antecedência você precisa se preparar”, acrescenta Vanessa.

O calendário estratégico deve ser compartilhado com toda a equipe, já que é ele quem vai guiar todas as ações. Todos os atendentes, balconistas, perfumistas precisam estar preparados para colocá-las em práticas.

Esta ferramenta oferece uma visão abrangente dos processos e permite que a equipe conheça os objetivos, as métricas e quem são os responsáveis por cada etapa ou evento a ser preparado e realizado.

Ferramenta útil para planejar ações e alavancar vendas

Um calendário estratégico bem-feito traz inúmeros benefícios para a farmácia. A ferramenta permite planejar com antecedência as ações que devem ser realizadas em um determinado período, contendo datas e eventos importantes, trazendo resultados efetivos para o negócio.

Além disso, o calendário estratégico oferece maior controle e organização dos processos, verifica questões a serem corrigidas e aperfeiçoadas e proporciona eficácia na análise e comparação de resultados.

Evite excesso ou falta de produtos com o calendário estratégico

Trabalhar com um calendário estratégico faz toda a diferença. Segundo a especialista, com o calendário estratégico, a farmácia se planeja e escolhe as ações que vai executar. Sem ele, a farmácia fica refém das mudanças do mercado. “E estará sempre reagindo com pressa ao que está acontecendo”, completa a consultora.

Por exemplo, durante o inverno, os resfriados e as alergias aumentam a demanda de produtos antigripais e outros medicamentos utilizados no tratamento dessas problemas de baixa complexidade. Caso a farmácia não esteja preparada para esse cenário, podem surgir problemas como:

  • Falta dos produtos mais solicitados;
  • Compra de produtos com preços mais altos e, por isso, redução da rentabilidade e competitividade;
  • Comunicação e exposição de produtos de forma menos atrativa.

Leia também: Planejamento estratégico: por que e como fazer na sua farmácia?

Atenção às demandas de cada período do ano

As épocas do ano afetam muito o comportamento do consumidor. No verão, alguns produtos são mais procurados que outros. No inverno, o perfil de compra muda porque os produtos buscados também mudam. Dessa forma, o calendário estratégico auxilia no mapeamento desses períodos para que a farmácia tenha ações planejadas com antecedência para cada época do ano, tendo sempre em estoque os produtos mais requisitados.

Vale destacar também as datas temáticas. Para promover sua marca, as farmácias podem e devem aproveitar datas como o Dia das Mães para realizarem estratégias promocionais específicas e preparar o estoque.

No entanto, o calendário estratégico não é uma ferramenta engessada e imutável, ao contrário, deve ser flexível para se adaptar às mudanças. “Muitas datas repetem-se e outras são passíveis de alteração. Um feriado que cai em uma quarta-feira não tem o mesmo efeito nas vendas de um feriado que cai em uma segunda-feira”, afirma Vanessa. Por isso, se o comportamento do cliente muda, é preciso avaliar ajustes no calendário.

O varejo farmacêutico tem muitas oportunidades para alavancar venda quando consegue se preparar para demandas particulares do consumidor, como ter o mix específico de inverno ou verão. A especialista conclui que se adequar em relação à comunicação com o cliente, estoque e condições específicas de compras é uma oportunidade de elevar o faturamento da farmácia.

Compartilhe:
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação.

×